Publicidade

Tentativa de golpe na Bolívia: especialistas explicam crise no país

Presidente denunciou tentativa de tomada de poder no país à medida que Forças Armadas tomavam praça central na capital La Paz





Tentativa de golpe na Bolívia: especialistas explicam crise no país

Por:Jornal NC - Publicado em 28/06/2024

O presidente da Bolívia, Luis Arce, denunciou na sua conta da rede social X, o que chamou de “mobilizações irregulares” por algumas unidades do Exército boliviano. Ele afirmou mais tarde que o país estava sofrendo uma tentativa de golpe militar. A agência de notícias estatal ABI havia informado que por volta das 14h30, no horário local, tanques estavam sendo posicionados dentro e ao redor da Plaza Murillo, uma praça da capital La Paz onde estão localizados os escritórios dos poderes Executivo e Legislativo. Uma testemunha da Reuters viu um veículo blindado bater na porta do palácio presidencial e soldados entrarem correndo para dentro do edifício.

O ex-presidente Evo Morales, também através das redes sociais, acusou as tropas de estarem planejando um golpe de Estado sob comando do general Juan José Zuniga. O comandante havia sido retirado do cargo após fazer ameaças contra Morales. O presidente boliviano, Luis Arce, então exigiu que o general Juan José Zuniga desmobilizasse os soldados que ocuparam a praça central da capital, o que atraiu forte condenação internacional a uma tentativa de golpe militar.

Pessoas também saíram às ruas da Bolívia após o presidente pedir mobilização contra a tentativa de tomada de poder. Arce nomeou novos chefes das Forças Armadas nesta quarta-feira, e o novo comando militar ordenou que as tropas lideradas pelo general Zuniga retornassem para casa. Soldados e veículos militares do Exército da Bolívia então começaram a deixar as proximidades do palácio presidencial. Mais tarde, autoridades da Bolívia prenderam o comandante Zuniga, conforme visto por uma testemunha da agência de notícias Reuters.

Veja Também: título

Por fim, o Ministério Público do país disse que iniciará uma investigação criminal contra o general e outros participantes por liderarem o que o governo e os líderes internacionais condenaram como uma tentativa de golpe. Quem é o general que liderou a tentativa de golpe na Bolívia? Desde 2022, Juan José Zuñiga serviu como comandante-chefe do Exército da Bolívia. Mas, o militar fez declarações polêmicas contra o ex-presidente boliviano Evo Morales, dizendo que ele “não pode mais ser presidente deste país”. Suas declarações custaram-lhe o cargo, já que o governo decidiu demiti-lo. Porém, o militar se revoltou contra o Executivo e anunciou publicamente que as forças militares tomariam a casa do governo. Saiba mais sobre o general através desta matéria.

Curta nossa Fanpage no Facebook


Seu Portal de últimas notícias das cidades de Barueri, Santana de Parnaíba, Carapicuíba, Osasco, São Paulo e região de Alphaville e Granja Viana.

Publicidade

Mais Notícias


  • Nacional, Nacional
  • Doações fazem comércio gaúcho crescer mais que média nacional
  • Vendas no estado tiveram alta de 1,8% em maio, aponta IBGE

  • Publicado em 12/07/2024

  • Internacional, Internacional
  • ONG denuncia graves abusos e torturas de prisioneiros palestinos
  • Denúncias surgem depois de o Supremo Tribunal de Israel ter recebido uma petição exigindo o encerramento do centro de detenção de Sde Teiman

  • Publicado em 12/07/2024

  • Especiais, Especiais
  • Câmara aprova texto-base da reforma tributária com trava no IVA
  • Inclusão de carnes na cesta básica foi aprovada em destaque

  • Publicado em 12/07/2024

  • Política
  • Centro gestor alerta para seca severa este ano na Amazônia
  • Efeitos mais imediatos podem afetar navegabilidade nos rios

  • Publicado em 03/07/2024


Publicidade

Contato




Telefone
(11) 9 8476-9654

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.



Publicidade

©2014 2019 - Jornal NC. Todos os direitos reservados